“Cidade vertical ” é proposta da MVRDV para Jakarta

A densidade populacional traz grandes desafios para arquitetos e urbanistas. Jakarta tem hoje mais de 10 milhões de habitantes, sendo uma das mais populosas do mundo. O resultado são ruas trancadas pelo trânsito, vizinhanças lotadas e o clima úmido. Mas qual seria a solução?

A MVRDV apresentou um projeto que promete integrar uma alta densidade de ocupação com tetos verdes, o Peruri 88, descrito por seus arquitetos como uma “cidade vertical”. Na mesma estrutura estarão dispostas a área de compras, escritórios, residências e um hotel de luxo, com quatro andares de estacionamento, salas de cinema, um salão de casamentos, uma mesquita e um anfiteatro ao ar livre.

Para a MVRD, Jakarta tem uma necessidade de áreas verdes, assim como de espaços comerciais e residenciais. O projeto atende a ambas, respeitando o tecido urbano existente. As residências e os escritórios tem projetos que variam do estilo loft até o de verdadeiras casas, com uma abundância de parques, playgrounds, piscinas, spas e salas de ginástica, assim como restaurantes.

Tamanha independência de recursos externos permitiria, teoricamente, que os moradores nem precisassem sair do edifício, por esta razão a referência à uma “cidade vertical”.

Share:

Deixar uma resposta